domingo, 6 de novembro de 2011

Mesa Redonda: “A Arte do Cuidado – liames entre Arte e Terapia” – Hospital Antônio Pedro / UFF – Participação de Antonio Machado com o tema “A loucura na Arte”

PROGRAMAÇÃO DO I ENCONTRO NACIONAL DE TERAPIA EXPRESSIVA
16 de dezembro de 2011 de 8h as 18h . Hospital Univ. Antônio Pedro, Niterói - RJ. 
Manhã - Anfiteatro Aloysio de Paula (2º andar do Hospital Antônio Pedro - UFF)

8 h – Recepção, inscrições e café compartilhado
·         Abertura da Teia - atividade de pintura coletiva em tela

9 h – Apresentação do Programa TECI-HUAP
·         “A Terapia Expressiva no HUAP.” Denise Vianna - idealizadora e responsável pelas ações do Programa.
·         “Um ano em um dia de Terapia Expressiva no HUAP” - documentário de Eunice Vasques (com a colaboração  da equipe TECI-HUAP e pacientes do NAO)
·         “Em que a TE pode modificar minha prática?” - Vanessa Stelet, aluna de medicina, bolsista de extensão. 
·         “Resultados parciais dos Projetos TECI-HUAP”- Anna Alice Mendes – coordenadora e pesquisadora do Programa.

10 h – Mesa Redonda: “A Arte do Cuidado – liames entre Arte e Terapia”
·         Coordenação: Lenita Lorena Claro – pesquisadora do TECI-HUAP
·         “Ars curandi - Infusão de Vida no NAO” (Núcleo de Atenção Oncológica do HUAP) - Maria Helena Ferreira, enfermeira do NAO e aluna do TECI-HUAP.  
·         “A arte na loucura” - Gladys Schinchariol - Museu de Imagens do Inconsciente - Instituto Municipal Nise da Silveira.
·         “A loucura na Arte” - Antonio Machado – artista plástico.
·         “Arte, o que não é?” - Luiz Guilherme Vergara – Depto de Arte – IACS-UFF, ex-curador do MAC.

·         Abertura da Exposição: O que pintou no HUAP - fotos e obras dos alunos do curso de extensão e dos pacientes do NAO  (Núcleo de Atenção Oncológica do HUAP) . Exibição de documentários durante todo o dia.


Tarde – Prédio Anexo, segundo e terceiro andares

14 h – Oficinas: terapeutas voluntárias, estudantes de medicina bolsistas do Programa e alunos do curso Cuidar de si com Arte oferecerão 5 oficinas, cada uma acolhendo 40 participantes do Encontro.
                ·     Oficina 1- O coração costurado com fios de ouro. Metáfora do primeiro transplante cardíaco conhecido. Mito irlandês.  Adorno de um coração.
                ·     Oficina 2 - Fátima, a fiandeira. Conto grego. Mandalas: tentativas de integrar partes aparentemente desconexas 
                ·    Oficina 3 - Branca de Neve. Conto de Fada europeu. Encarando o espelho da verdade madrasta (Oficina só para mulheres). 
                ·     Oficina 4 - A lâmpada de Aladim. Conto maravilhoso oriental. Descobrindo o baú do tesouro interior.
                ·     Oficina 5 - O mito de Pigmalião. Mito romano. Transformação tridimensional do amor ideal em amor real.

17 h – Lanche de confraternização

18 h –  Encerramento -   Danças Circulares: “O HUAP vai dançar” - no saguão de entrada do HUAP.


Informações e inscrições através do e-mail: terapiaexpressiva@hotmail.com

Abaixo, a ficha de inscrição para as oficinas. Preencha seus dados, escolhendo apenas uma oficina, e nos remeta de volta a ficha. Confirmaremos sua inscrição por email. Caso não receba nossa resposta, volte a entrar em contato.

nome:
telefones:
e-mail:
função (caso seja da UFF):  aluno(   )  ex-aluno(   ) professor(   )  funcionário(  )  convidado(   )
Curso ou Área Profissional:    
 Setor de trabalho:
Como soube do evento?

Oficina Escolhida (assinale apenas uma)

Oficina 1: O coração costurado com fios de ouro. Aprendendo a amar (    )
Oficina 2: Fátima, a fiandeira. Mandalas: integrando partes desconexas  (    )
Oficina 3 (oficina para mulheres): Branca de Neve. Integrando a sombra (    )
Oficina 4: A lâmpada de Aladim. Acessando o tesouro interior (    )
Oficina 5: O mito de Pigmalião. Do amor ideal ao amor real (    )

13 comentários:

  1. Que pena estar tão longe! Gostaria de participar desse encontro, mas não faltarão outras oportunidades.
    Parabéns, Antonio, trabalhar Arte com pessoas doentes é muito importante, não só pela realização pessoal, mas por proporcionar momentos de prazer e alegria que só a Arte traz. Um abraço

    ResponderExcluir
  2. Antonio, esta mesa redonda deverá ser muito interessante: A loucura na arte, Arte, o que não é? Pois é, até hoje parece que não se chegou a nenhum consenso do que venha a ser arte. E sempre se pergunta: o que é arte, afinal? Uns dizem que é tudo que sai da cabeça de um ser humano para expressar seus sentimentos e com total liberdade; outros dizem que nem tudo, e muito é enpulhação. Mas na verdade, cada um tem seu conceito, o que gera muitas discussões. E Intermináveis!!

    Penso eu que é difícil se chegar a alguma coisa, pois falar em arte é como falar de paixão.

    Sucesso na sua participação, depois comente aqui!
    beijos ao atelier.

    ResponderExcluir
  3. Não posso encontrar tema mais fascinante: A loucura e a arte! Que pena estar do outro lado do oceano... Gostaria imenso de ouvir o seu testemunho, mas acho que me vou ter de contentar com a sua arte figurativa que nos oferece aqui na net. Quem sabe, um dia, poderei ter esse privilégio de conhecer o grande mestre António Machado!

    ResponderExcluir
  4. É um pouco estranho falar em loucura na arte. Um ato criativo, sempre com beleza, mesmo se emanado, realmente, de mentes doentias, pode ser muito belo. A própria história nos mostra isso.
    Estive lendo o programa do evento e acredito que a arte como terapia é um passo fundamental para a cura de muitos dos males que afligem o ser humano. E de efeito indiscutível, quando aplicada a crianças.
    Certamente, será um sucesso.
    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Super feliz com essa noticia, maravilha Mestre Antonio Machado.Parabéns com louvor.

    ResponderExcluir
  6. Antonio, acrescentando mais um pouquinho:

    Lembrei que há muitos anos houve aqui uma exposição no HSP. E a arte, no sentido de ser elaborada e de nascer de mentes 'especiais', além de ser uma incrível terapia, pode, sim, ser maravilhosa, disso não tenho dúvidas. Vi belos trabalhos. É como entrar na alma destas pessoas e tentar decifrar seus mistérios, tão difíceis de entender o porquê. É um expressar muito puro para se pensar em empulhação. E lembro de ter duvidado ter sido feito por eles... Mas foi. E nisso é que fiquei pensando... Nem sempre a arte é consciênte quando é verdadeira.

    Beijos a todos.
    Tais

    ResponderExcluir
  7. Fantástico esse seu espaço. Nietzsche foi um dos filósofos que super valorizou a arte. Um abraço...

    ResponderExcluir
  8. Parabéns pela participação.

    A arte é expressão da liberdade. Ser livre é ser louco??
    Amo a loucura... a loucura me salvou!!

    bj

    ResponderExcluir
  9. amei seu blog vou seguir
    aqui tem um texto que gosto muito
    se der leia.
    bjo!

    http://paraneura.blogspot.com/2011/09/para-os-ultimos.html

    ResponderExcluir
  10. Caríssimo Antonio. Que bela oportunidade para demonstrar a introspecção e seus resultados!!!Que bela oportunidade para demonstrar que a quebra do lógico não é doença, que a moral é a prática da ética...e, the last but not the least: o processo evolutivo da humanidade sempre esteve associado a arte ou seu inverso?!!
    Receba meu mais sincero e bom abraço! Muito sucesso!!!

    ResponderExcluir
  11. oooooooooooi me apresento sou carolina dipp tecnicamente sua neta rsrsrsrsrs tou procurando mihna avo rsrsrs...recem estaba olhando um blog nao sei de quem que contaba que esteve de visita no vadinho...nossa que saudades. ai eu comecei a ver os comentarios e antes de ler seu nome eu li: Gosto muito do Vadinho. Sou de Niterói e me casei com uma linda Itajubense chamada Loyde rsrsrsrs e pensei,eu tenho uma avo que chama assim e mora em itajuba e conhece o vadinho..comecei a me desesperar era muita coincidencia e pensei nossa que mundo tao pequeno..ATE QUE LI O SEU NOME E QUEDEI MAS TRANQUILA rsrsrs. dai pensei em escrever pra voces contando. Me gustaria tener noticias suyas lo mas pronto posible,les mando muchisimos besos, si deciden responderme lo pueden hacer al facebook de la tatu o la agus aunque un llamado seria mejor jaja.bueno ló, aca escribi un poco jaja se que no te referias a esto pero nada mejor que una carta con mucho amor jajajaja.

    ResponderExcluir
  12. Nice initiative,there is always happiness and madness, in all kinds of creativity!
    Muito sucesso,Willy

    ResponderExcluir
  13. Antonio, I do not understand much of this post, but I understand, that you are artista plastico. That is why it means so much for me, that you like the shapes and color I choosed for my anti-fogg photo. Have a beautiful day!

    ResponderExcluir

Google+