segunda-feira, 17 de julho de 2017

"Black Power" - Óleo sobre tela

"Black Power" - Óleo sobre tela - 46x33 - Ano de 2017 - Série Figuras Femininas

Detalhe

Culinária da Musa do Atelier

Smoothie de abacate, banana d'água, passas de uva, manteiga de coco e mindubaru (creme de amendoim com castanhas de baru) Uma delícia super nutritiva para o lanche da tarde.

Salada de tomate e folhas. Farofa de banana e couve. Salada de sementes, cenoura e homus tahine. Todos os ingredientes são crus, orgânicos e temperados com azeite, sal e limão galego.


Farofa de couve e banana - arroz integral - batata doce - mix de grãos, beringela, cenoura, cebola e temperos. A batata e o arroz são cozidos e os demais ingredientes são crus.


O simples com glamour. Aipim cozido, azeite e orégano. Salada crua orgânica de alface, tomate, repolho roxo, berinjela, sementes hidratadas e temperos. A culinária da Musa Chef Loyde Machado é assim: saudável, saborosa, bonita e cheirosa. Eu estou apaixonado por essa cozinheira! Acompanha suco de Maracujá adoçado com stévia.



Arroz ao funghi, salada crua e nugets desidratados de legumes, sementes e temperos


Mingau de leite de coco, aveia, banana d'água e ameixa preta. Os ingredientes são liquidificados crus, amornados e polvilhados com canela


Azeitonas, batata yacon, beldroega, abobrinha, repolho roxo e flores de damiana. Salada crua servida fria. Temperada com coentro, sal, limão, shoyu e azeite ( no prato a gosto )


Lâminas finas de batata yacon temperadas com limão, shoyu, coentro e azeitonas - repolho roxo marinado com limão galego e sal - flores de damiana - folhas verdes ( beldroega ) - fios de abobrinha marinados com sal e limão galego. Todos os ingredientes são crus e o prato é servido frio como salada. Uma delícia saudável e de fácil digestão. Orgânicos da horta do Marinho Mecanico

História do atelier

Foto da barba - não gostei do meu olhar assustado.
Semana de Arte: Performance, Minha vira latas de raça, o atelier, detalhe do painel Fashion.
Novo Sete Carinhas com participação especial da Vira lata "Linda"- ela parece espantada com alguma coisa. A terapia do riso funciona bem. Acho que todo mundo deveria fazer um pouco de teatro.
Nosso limoeiro
A Musa Chef Loyde Machado buscando ingredientes para a sua culinária. Parte do que usamos na alimentação é coletado diretamente da natureza. Essa atividade é orientada. As PANC ( plantas alimentícias não convencionais ) são identificadas, catalogadas e seu uso segue regras. É preciso estudar, se dedicar e depois aproveitar essas maravilhas da natureza.


Tardes em Tanguá - flagrantes da natureza durante a coleta do limão galego e laranja china.

Tardes em Tanguá. Filhotes de Cambaxirra - dentro do balde de obra, havia um resto de cal ensacada. Agora ninho, novos habitantes do planeta. É um vai e vem dos pais emitindo grasnados, trazendo alimento... A natureza insiste, persiste, inspira!
Desejo para todos muita paz, muita saúde, muito sucesso, muito dinheiro e acima de tudo muita fé na vitória do bem sobre o mal, da liberdade sobre a censura e da responsabilidade sobre o descaso. Manifesto pós contemporâneo de um artista profissional sem nenhum propósito político e com todo respeito às posturas alheias. Viva a Arte Livre!!!!!!


domingo, 2 de julho de 2017

"Figura feminina na escada" - Desenho preliminar, queimação e acabamento com tinta à óleo

Arte Pós Contemporânea : há um renascimento da pintura, a velha e boa pintura em óleo sobre tela. Desde o início do século XX surgiram movimentos artísticos inspirados, quase sempre, nas manifestações artísticas da idade média, da pré história, das culturas islâmicas e orientais...muitas outras poderiam ser invocadas como a arte das civilizações pré colombianas, polinésias, africanas... Pois é, depois disso a volúpia renovadora tornou-se escola de arte! Isso também foi logo esgotado e a imbecilidade das taras e devaneios tornou-se a única alternativa, inclusive acadêmica. Abaixo o academismo pseudo contemporâneo. Viva a liberdade de expressão e o renascimento da pintura!

Óleo sobre tela - 4° estágio de seis. Há quadros que são pintados em uma única seção, outros duas ou três. O ideal é resolver em cinco ou seis. Há trabalhos que pedem dezenas de seções. Não há regra fixa, o quadro é que pede...


"Figura feminina na escada"- Óleo sobre tela - 55x33 - Ano de 2017. Trabalho realizado em sete seções de pintura


Detalhe. "O tema é inocente, a culpa é do artista"

Culinária da Musa do Atelier


Guacamole com sementes de girassol hidratadas. Farofa de couve, alho, sal, azeite, banana d'água e farinha de mandioca caseira. Croquetes levemente grelhados sem óleo na frigideira antiaderente; com beringela, chuchu, farinha de mandioca caseira, curry, cúrcuma, sal, azeite, gengibre, pimentão, limão galego e coentro. Todos os ingredientes são crus e orgânicos. A farofa é amornada.
Na guacamole coloca-se abacate, tomate, maxixe, alface, almeirão, salsinha, passas de uva, azeitonas pretas, sementes de girassol descascadas e hidratadas durante a noite (umas 8 horas), e tempera com limão, sal e azeite extra virgem. 
Para a farofa, aqueça uma panela grossa sobre um difusor de calor, coloque um fio de azeite de oliva extra virgem e dois dentes de alho picadinhos, sem deixar esquentar demais. Acrescente a couve picada já temperada com sal e gotas de limão. Misture para aquecer a couve. A gente controla a temperatura com as mãos. Até onde a mão aguenta, aí é o sinal para tirar do calor, depois, se precisar, volta de novo. Por último uma banana picada e a farinha de mandioca crua. Delícia saudável. 
Para o croquete: meia berinjela sem casca, bem picadinha. 1/3 de um chuchu médio cru ralado (como era orgânico coloquei com casca), caldo de limão, sal, um fio de azeite,um pedacinho de gengibre ralado, uma colher de chá de coentro picadinho,uma pitada de cúrcuma e uma de curry. Misturar bem e prensar (esta é uma técnica da alimentação viva onde a gente vai apertando com as mãos até mudar a textura). Fica como que cozido com o calor das mãos. Acrescentar 3 colheres de sopa de farinha de mandioca crua ( ela foi desidratada), amassar com as mãos, formar os croquetes achatados e dourar levemente na frigideira anti aderente sem óleo. Não deixar muito tempo para não perder muitas propriedades do alimento cru. Fica um sabor diferente, muito bom.


Caldeirada de frutos do mato. Vegetais crus amornados, processados, marinados... Delícia da culinária viva.


Salada crua e croquetes de trigo sarraceno, castanhas de caju, legumes e temperos. Todos os ingredientes são crus. Na culinária viva se utilizam a hidratação, desidratação, prensagem, marinados, germinados, fermentados e talento ( amor ).


Grão de bico germinado, farinha de mandioca caseira, óleo de gergelim cru, alho, sal, salsa, limão galego e azeite. Depois de moldados os bolinhos são grelhados, sem óleo, em frigideira antiaderente.uma delícia!

Almofadinhas de aipim grelhado e chá de folhas ( Jambeiro, limoeiro, tangerineira e laranjeira ).

História do atelier

Detalhe do Atelier - quadros à óleo, aquarelas e técnica mista - obras de várias fases.

domingo, 25 de junho de 2017

"Últimas Notícias" - Óleo sobre tela

 "Últimas Notícias" - Óleo sobre tela - 46x38 - Ano de 2017 - Série Figuras Femininas.
Detalhe

Sete carinhas - performance teatral

 "SETE CARINHAS" - ensaio fotográfico com performance realizada em Tanguá pela minha neta Emanuelle. Dedico essa obra ao atual momento político brasileiro. Quando eu conto histórias para as crianças rola uma dramatização. Nada mais assustador do que histórias infantis...Lobo Mau, Bruxa da Branca de Neve, Bruxa de João e Maria...
Foto by Musa Loyde Machado


Mais da lente da Musa Loyde Machado

Boas novas na praça dos três poderes - uma notícia em busca do fato

"Mundo Fashion" - Técnica mista: colagem e óleo sobre madeira compensada

"Mundo Fashion" - Técnica mista: páginas de revista coladas com PVA sobre madeira compensada, retocados com tinta óleo e envernizada com óleo de linhaça - 62x110 - Ano de 2017

Culinária da Musa do Atelier

Artes plásticas e alimentação saudável.



Spaghetti integral com molho de legumes crus processados e amornados ( chuchu, abobrinha, pimentão, cenoura, repolho roxo, abóbora japonesa e sal ) - salada de tomate, alface agrião e azeitona.



Fios de abobrinha, abóbora japonesa, chuchu e repolho roxo, crus, temperados com sal e amornados - molho rosa com tomate cru, sementes de girassol descascadas e hidratadas, limão galego, passas de uvas brancas, sal e um pouco de água filtrada - salada de alface, serralha, couve, almeirão e agrião.


Arroz branco - cuscuz de trigo sarraceno hidratado com legumes e temperos processados 


Arroz branco cozido com temperos e caldeirada viva de frutos do mato 

Abacate, tomate, beldroega, pepino, abobrinha, passas e azeitonas. Cúrcuma, limão galego, shoyu, sal e azeite para temperar. Todos os ingredientes são crus.


Laranja Bahia de Tanguá (Sítio do Seu Biga)


A cozinha do século XXI é pós industrial - ela retoma o contato com a natureza, dispensa a "praticidade" da comida congelada, aquecida no microondas etc... A dona de casa, a que já foi chamada de " do lar " agora é uma pesquisadora, tem contato com a ciência nutrologista, acompanha pesquisas modernas sobre alimentação e saúde, cuida da cozinha com zelo e arte, introduz a gastronomia na rotina da casa. A cozinha deixa de ser aquele local isolado da casa, enfumaçado, engordurado, dirigido por mulheres nervosas, irritadas com a segregação das portas fechadas para não empestiar a casa com cheiros de uma prática medieval que perdurou até bem pouco tempo. Mas isso está mudando. A nova dona de casa dirige um laboratório onde cuida da saúde da família. Antes isso era feito nos hospitais para onde pessoas intoxicadas por uma péssima alimentação tinham que ir frequentemente... Viva a culinária do futuro!!!!


Tortilha de aipim filetado, desamidado e assado em frigideira anti-aderente (como se faz tapioca). Creme de legumes crus e sementes e desidratadas. Salada crua tomate, quiabo, pepino e pimentão.

Smoothie fase verde com laranja bahia, laranja china, maracujá, hortelã, banana d'água, aveia em flocos, pepino, gengibre, ameixa seca, água e canela em pó.


Detalhe do prato pastelão de milho com salada


Pastelão de milho e legumes crus: farinha de milho pré-cozido em flocos misturada com creme de legumes crus ( abobrinha, chuchu, cenoura, gengibre, limão, alho, curry, azeite, sal, canela, shoyu, páprica picante e sementes de girassol hidratadas. ) Bater tudo no liquidificador com um pouquinho de água e misturar com a farinha de milho. Acrescentar tomate, pimentão, azeitonas e temperos verdes picados na mistura final. Acompanha salada de folhas e pepino crus e temperados com azeite, sal e limão. Tomate, azeitona e orégano para enfeitar e dar um toque " pizza". O Pastelão pode ser amornado em forno ou frigideira antiaderente com cuidado para não exceder 42° mantendo-se assim todas as propriedades do alimento vivo. As sementes de girassol podem ser substituídas por quinoa, trigo sarraceno, chia... Um prato rápido, fácil e muito nutritivo. Esse é um verdadeiro " mata fome "


Guacamole com trigo sarraceno hidratado e homus tahine. Cavacas desidratadas e amornadas de farinha de milho em flocos, quinoa, legumes, azeitonas e temperos da Musa.


Detalhe da Guacamole


Cuscuz de sementes hidratadas, couve flor, cenoura, salsa, azeitona e sal. Farofa de couve, almeirão, alho, banana, sal, azeite e farinha de mandioca caseira. Molho branco com inhame, sal, azeite, alho e sementes hidratadas. Com exceção do inhame que é ligeiramente cozido os demais ingredientes são crus. Os pratos são amornados a 42° antes de servir.
Google+