domingo, 29 de setembro de 2013

Pedra de Icaraí – A história de uma pintura em óleo sobre linho

“Pedra de Icaraí” – 17x23 – Óleo sobre linho – Ano de 2013
 

“... as imagens falam por si. Essa obra, realizada no atelier a partir de reminiscências da pintura do natural, permite a escolha da paleta e o correspondente tom emocional do trabalho. Os dias por aqui tem sido assim: nublados claros, ora frios, ora quentes, entremeados com chuva e sol. É o início da primavera no Rio de Janeiro...”


Pintura: Antonio Machado
Fotografia e arte gráfica: Matheus Stutzel
Copy desk: Loyde S. D. Machado

15 comentários:

  1. Bella obra, Antonio, me gusta la secuencia de la pintura, de como nacen los colores sobre el lienzo. Saludos.

    ResponderExcluir
  2. Olá Antônio,

    Creio que somente um grande artista consegue criar uma obra a partir de reminiscências da pintura do natural, É linda. Amei a combinação perfeita das cores.
    Os dias por aqui estavam bem quentes e ensolarados. Hoje, porém, amanheceu cinza e choveu durante a madrugada. Até gostei, pois estávamos precisando desta chuva abençoada.
    Ótima noite e feliz semana.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Ola Antonio, comeca a estacao prodigiosa e sua pintura romantica do mar do Rio de Janeiro é rumorosa, energetica, e por supuesto... maravilhosa!
    Bom comeco de semana *:)

    ResponderExcluir
  4. Bellissimo lavoro , amo la libertà e la ricchezza delle tue pennellate .Abbraccio e buona settimana.

    ResponderExcluir
  5. Wonderful, dramatic work Antonio! I love your marine paintings :0)

    ResponderExcluir
  6. Wonderful colours of the shallows of the water and the foamy waves as they wash around this stone.
    Wishes for a lovely week dear friend
    hugs
    xoxoxo ♡

    ResponderExcluir
  7. Hello Antonio,
    Greetings from Ghana.
    The picture speaks...so true,it shows the weather you are in.
    Amazing as usual.
    Cheers.
    Manisha

    ResponderExcluir
  8. Fantastic, much I likes it Antonio, great job.
    Greetings.

    ResponderExcluir
  9. Uma pedra pode ser a grande estrela de um ARTISTA. Ela pode carregar-se de história e sentimentos quando retratada assim. Linda expressão artística!
    Um abraço

    Lembrei-me do bom Drummond
    No meio do caminho tinha uma pedra
    Tinha uma pedra no meio do caminho
    Tinha uma pedra
    No meio do caminho tinha uma pedra.

    Nunca me esquecerei desse acontecimento
    Na vida de minhas retinas tão fatigadas.
    Nunca me esquecerei que no meio do caminho
    Tinha uma pedra
    Tinha uma pedra no meio do caminho
    No meio do caminho tinha uma pedra.

    ResponderExcluir
  10. Lovely piece of work Antonio - I especially like the colours you have used.

    ResponderExcluir
  11. Que preciosidad tus obras Antonio, me encanta disfrutarlas.

    Un abrazo

    ResponderExcluir
  12. O tempo por aqui está como o que vive aí. Beleza e arte, no entanto, só artistas como você conseguem captar e eternizar. Muito belo! Abraço.

    ResponderExcluir
  13. Ameeeei essa pintura! Linda, despojada, bem retratada através do que seus olhos captaram. Gostei muito da expressão 'tom emocional': é isso!! Eu sempre procurava por um termo que definisse a intuição do artista ao escolher a paleta para retratar as cores da natureza e não encontrava. Acabo de descobrir.

    Vc mandou muito bem, na arte e no texto! Parabéns!

    ResponderExcluir
  14. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.


    ResponderExcluir
  15. I love your maritime paintings Antonio!

    ResponderExcluir

Google+